Dez Ingredientes para umas férias de sonho...

post img

As ilhas de Cabo Verde são um destino único e inesquecível. Abençoadas pelo Sol durante todo o ano, têm na Música e na Cultura um ritual que faz parte do dia a dia dos habitantes, enquanto envolvem o visitante na incomparável mística do Arquipélago. Apenas a 4 horas de distância da Europa, o país goza de uma localização privilegiada, que alia à Tranquilidade do território, fazendo deste um destino a não perder. Deixe-se envolver pelos sabores da deliciosa Gastronomia local e brinde à Morabeza e à Sensualidade desta cultura. Aventure-se na natureza insólita e desfrute da segurança que Cabo Verde tem para lhe oferecer.


Descubra um paraíso aqui tao perto...

post img

Refugiadas no meio do oceano Atlântico, as dez ilhas de Cabo Verde beneficiam de uma localização geográfica privilegiada, entre os continentes Africano, Europeu e Americano. Situado à mesma latitude das Caraíbas, o Arquipélago está a uma distância de 320 milhas marítimas da costa do Se-negal e a menos de 4 horas de voo da América e da Europa. O país tem quatro aeroportos internacionais, estabelecidos nas ilhas de Santiago, Sal, Boa Vista e São Vicente, que oferecem liga¬ções a África, América, bem como às principais cidades da Europa.

Contagie-se pela morabeza...um conceito único que so se sente em Cabo Verde

post img

A morabeza é um conceito único que não se traduz, não se explica, simplesmente…sente-se! Visitar Cabo Verde é deixar-se envolver pelo sorriso espontâneo, pela amabilidade e gentileza do seu povo. Mais do que um conceito, a morabeza é uma atitude perante a vida, que reflecte a predisposição natural dos habitantes de Cabo Verde em receber de forma atencio¬sa e acolhedora, como em nenhum outro lugar do mundo. Deixe-se contagiar pela alegria e a simpatia dos locais, guarde na memória uma experiência única e o desejo de regressar.

Aventure-se CONTEMPLE a natureza insólita... e descubra as espécies mais raras de fauna e flora

post img

Cabo Verde é um país de contrastes, onde montanhas imponentes se diluem em planícies a perder de vista, e onde o verde da vegeta¬ção se mistura com o castanho de uma paisagem quase desértica.O ponto mais elevado do arquipélago situa-se na ilha no Fogo e constitui um dos ex-libris do turismo de Cabo Verde. O vulcão eleva-se a 2829 metros de altitude, e é nas encostas acidenta¬das da imponente montanha que se cultiva o incomparável vi-nho do Fogo. À excepção das ilhas da Boavista, do Sal e do Maio, o Arquipélago tem uma geografia montanhosa, marcada por abruptas falésias que dão origem a quadros de rara beleza.A paisagem compõe-se de diversas espécies de flora, sendo o dragoeiro uma das mais importantes, dada a sua presença no território desde um período que ante¬cede o seu descobrimento, por Diogo Gomes, em 1456. São inúmeras as reservas e parques naturais existentes em Cabo Verde, alguns dos quais localizados em zonas de difícil acesso. De entre as principais espécies de fauna, encontram-se a célebre passarinha, o corvo e a corredeira, entre muitas outras aves que preenchem os céus de Cabo Verde. As praias do arquipélago são também o terceiro mais importante dos cinco locais do mundo de desova de tartarugas marinhas, com destaque para a espécie caretta-caretta. Nos meses de Verão, as fêmeas dirigem-se às praias do arquipélago para desovar, um ritual que pode ser acompanhado pelo visitante através de excursões organizadas para o efeito. A fauna marinha é outro dos atractivos do arquipélago, fazendo deste um local único para a prática do mergulho. Para além das tartarugas, no Inverno podem observar-se outras espécies protegidas, como o golfinho ou a baleia de bossa, para além de belos recifes de coral, habitat de inúmeros tipos de peixes.

Apaixone-se em praias a perder de vista ... de areais extensos e águas cálidas

post img

Com temperaturas de água do mar entre os 22º e os 25º, e temperaturas médias do ar entre os 22º e os 27º , ao longo de todo o ano, as praias de Cabo Verde são autênticos paraísos para os amantes de Sol e Mar.Com 55 km de belíssimas praias, de areia fina e branca como neve, e de um mar cor de esmeralda, a ilha da Boa Vista reúne a maior extensão de praias do Arquipélago. A ilha assume-se hoje como um dos principais pontos turísticos de Cabo Verde, graças a uma aposta recente na criação de infra-estruturas adaptadas às necessidades do visitante. A ilha do Sal é ainda a mais procurada pelos turistas, sendo responsável por mais de 50% das dormidas de todo o arquipélago. A irresistível Baía de Santa Maria, com cerca de 4km de areal branco e água turquesa, promete-lhe ex-periências únicas para a prática de desportos náuticos.A ilha do Maio é também local de magníficas praias desertas em estado puro, sendo que a reduzida exploração turís¬tica faz deste um local bucólico e tranquilo. As praias da ilha convidam à visita de uma infinidade de lugares secretos que perpetuam o romantismo presente em cada recanto.No entanto, a beleza das praias de Cabo Verde não se esgota nas ilhas do Sol, sendo que quase todas as ilhas possuem belas praias onde o visitante pode desfrutar das águas quentes e das experiências únicas de praia que o Arquipélago tem para oferecer.

Exprimente a adrenalina dos desportos náuticos ... e viva as condições ideais à pratica de kitesurf e mergulho

post img

As praias são um dos principais produtos turísticos de Cabo Verde. Com um clima quente e seco constante, moderado pelos ventos alísios, o arquipélago apresenta temperaturas amenas durante todo o ano, oferecendo condições ideais para a prática de desportos náuticos, desde o surf, windsurf e kitesurf ao mergulho, pesca e natação. A ilha do Sal oferece ao visitante condições excepcionais para a prática destas actividades, graças aos ventos constantes que sopram de África continental.

Sinta a mística da cultura crioula ... e a magia da música

post img

A língua é a mais rica manifestação da cultura Cabo-verdiana. O crioulo surgiu nos primeiros anos de povoamento do arquipélago, decorrente da necessidade de entendimento entre os escravos e os povoadores europeus, sobretudo Portugueses, daí que a língua Portuguesa tenha servido de base lexical ao desenvolvimento do crioulo cabo-verdiano. Apesar do crioulo ser a língua materna de quase toda a população de Cabo Verde, o Português ainda é a única língua oficial. No entanto, o crioulo tornou-se um símbolo, que vai para além da linguagem, tendo-se convertido numa identidade social. A chamada crioulidade, acabou por exercer forte influência noutra das grandes manifestações culturais do país: a música. O desenvolvimento da cultura Caboverdiana sempre girou em torno da música. A saudade, o amor, alegrias e tristezas serviram de base ao surgimento de géne¬ros musicais e danças originais, que expres¬sam a identidade do povo de Cabo Verde, e fazem parte do quotidiano dos habitantes. Deixe-se envolver pela magia da mor¬na, do batuque e do funaná e saia re-vigorado desta memorável experiência.

Delicie-se com sabores autênticos...

post img

Rica, variada e saborosa. Assim se pode definir a gastronomia de cabo-verdiana, que tem para lhe oferecer inúmeros pratos, resultantes de influências muito distintas que foram chegando ao arquipélago, ao longo dos séculos. A grande referência da tradição gastronómica cabo-verdiana está na cachupa, um prato confeccionado à base de peixe, milho e feijão, às vezes só milho e toucinho. Com o passar dos anos os locais forma introduzindo vegetais e carnes, que lhe conferem um sabor muito particular. Os sabores de Cabo Verde passam também pela qualidade e diversidade de peixes e mariscos existentes nas Ilhas, que fazem as delícias dos visitantes. Os queijos e os doces também se inscrevem na tradição culinária do país. A refeição não fica completa sem um bom vinho do Fogo, ou o típico grogue, uma bebida alcoólica feita à base de fermentação da cana-de-açúcar, rematando, no final, com o famoso e delicioso café da ilha do Fogo